CUT/MG convoca trabalhadoras, trabalhadores e movimentos sociais para um 1° de Maio histórico

A Central Única dos Trabalhadores de Gerais (CUT/MG), em conjunto com os movimentos sociais, populares, estudantis e políticos, convoca um 1° de Maio histórico em 2018, em função do aprisionamento político do ex-presidente Lula, da luta pela retomada da democracia, em contraposição à pauta golpista de retirada de direitos e conquistas trabalhistas, a ameaça da reforma da Previdência, a terceirização ilimitada, o aumento do número de desempregados no país, a criminalização das lutas, o ataque ao patrimônio e àsoberania nacionais.

A orientação da CUT é que todas as entidades filiadas devam se envolver na organização de atos, manifestações, protestos e mobilizações por todo o país contra o golpe e suas consequências.

A principal agenda é a manutenção e fortalecimento da vigília Lula Livre em Curitiba, com caráter permanente, tarefa comum e prioritária das Frentes Brasil Popular e Povo sem Medo, e exige organização. Em Belo Horizonte e região, conforme deliberação da Plenária de Sindicatos CUTistas, as atividades do 1° de Maio vão se concentrar em dois locais: na Praça da Cemig, na Cidade Industrial, em Contagem; e em Belo Horizonte, na Escola Estadual Pedro Guerra – rua João Ferreira da Silva, 230, Bairro Mantiqueira.

Na Praça da Cemig, acontece a Missa do Trabalhador, que chega, neste ano, a 42ª Missa do Trabalhador, em que os movimentos sociais têm espaço para dialogar sobre suas pautas antes da celebração. A concentração, com faixas, bandeiras e manifestações, começa a partir das 7 horas. A Escola Municipal Pedro Guerra, em Venda Nova, recebe, a Celebração do 1° de Maio – Dia das Trabalhadoras e dos Trabalhadores.

Confira a Programação do 1° de Maio de 2018 emBelo Horizonte e região:

42ª Missa do Trabalhador

Local: Praça da Cemig, Cidade Industrial, Contagem - MG

Manifestação e missa a partir das 7h30

Na abertura, lideranças dos movimentos sindical, social e político falarão em defesa da democracia e contra a retirada de direitos. Logo após, acontecerá a Celebração Eucarística

Celebração 1° de Maio – Dia das Trabalhadoras e dos Trabalhadores – Venda Nova

Horário: das 8 às 11 horas

Local: Escola Municipal Pedro Guerra – Rua João Ferreira da Silva, 230 – Bairro Mantiqueira – Belo Horizonte – MG.

Vale do Aço - Zona da Mata

Federação dos Trabalhadores em Agricultura Familiar na Zona da Mata convida

Comemoração do Dia do Trabalhador e da Trabalhadora - #Lula Livre

Data: 1° de maio de 2018

Local: Realeza

Horário: 7 horas